40% das crianças sofrem de cárie dentária

A saúde bucal é outro ponto a ter em conta no bem-estar dos pequenos. Embora, a priori, possa não parecer tão importante quanto outros aspectos nunca devem ser esquecidos. Um exemplo é o cavidades, que muitas vezes não são vistas pelas próprias crianças, ou pelos pais, e que são deixados de lado, ignorando os problemas que são capazes de gerar.

Você também tem que levar em conta a necessidade de evitar esses problemas nos pequenos. Missão que não está sendo seguida no momento, pois é extraída dos dados do 32º Congresso da Sociedade Espanhola de Pediatria e Atenção Básica Ambulatorial. Evento em que uma conclusão foi alcançada: o famílias eles não dão a importância que merecem à saúde bucal.


Visitas ao ortopedista

Os dados que foram oferecidos neste congresso revelam que até 30% das crianças menores de três anos e 40% dos menores têm seis cavidades de início precoce Números que deixam claro que as crianças não estão fazendo as visitas necessárias ao cirurgião ortopédico quando atingem o primeiro ano. Este especialista é aquele que deve estabelecer as bases para evitar esses problemas dentários.

Outra visita relevante é a partir dos 6 anos, quando os dentes de leite começam a cair e os dentes adultos nascem. Nessas idades aparecem problemas como a hipomineralização no incisivo molar, um problema que requer uma boa exploração para ser detectado. De fato, essa condição pode degenerar em cavidades e outras situações mais danosas.


Visitas ao ortopedista também são necessárias, enquanto até 40% dos pré-escolares sofreram traumatismo dentário. Um exemplo são as perdas de alguma peça dentária. Uma visita a este profissional garantirá a sua correta substituição, o tempo recomendado para evitar grandes problemas é comparecer a esta consulta durante o 20 minutos seguindo o incidente.

Escovação e outras dicas

Embora as visitas ao cirurgião ortopédico sejam importantes, não devemos esquecer a responsabilidade que temos sobre a dentadura. Dever de casa diferente deve ser realizado atividades a fim de cuidar dos dentes:

- Supervisionar a escovação de crianças até 10 anos de idade. Isso nunca deve exceder dois minutos para eliminar toda a placa bacteriana.

- Limitar a quantidade de açúcar na dieta das crianças, dispensando alimentos com gorduras saturadas e outros produtos prejudiciais aos dentes.


- Pasta dental com flúor. Esses produtos ajudam a prevenir cáries, é importante ensinar as crianças a não engoli-las e usar uma quantidade igual ao tamanho de uma ervilha.

- Inclusão de fio dental. Os pais podem começar a passar o fio com a aparência das primeiras peças. É sempre aconselhável consultar o especialista sobre a relevância deste produto.

- visitas periódicas. Verifique a dentadura periodicamente para detectar problemas é muito importante e uma responsabilidade que deve ser assumida em casa.

Damián Montero

Vídeo: COMA ESSA PODEROSA FRUTA E VEJA O QUE ELA É CAPAZ!!!


Artigos Interessantes

Ford Mondeo: salto premium

Ford Mondeo: salto premium

O Mondeo chega à sua quarta geração e, depois de vender mais de quatro milhões e meio de unidades, torna-se salão de representação, pela qualidade e inovações técnicas.A Ford escolheu as estradas de...

Higiene: bons hábitos para crianças e bebês

Higiene: bons hábitos para crianças e bebês

Durante os primeiros anos de vida, as pequenas rotinas que cercam nossos filhos são assimiladas por si mesmas e estão se tornando, pouco a pouco, um costume que elas mesmas quererão manter amanhã. Um...