Sentimentos e emoções nas crianças, como ensiná-las a reconhecê-las e expressá-las

Crescer não significa apenas aumentar de tamanho. Com o passar dos anos, diferentes facetas se desenvolvem nos membros mais jovens da casa, algo em que os pais devem participar para garantir que esse processo se desenvolva adequadamente. Um exemplo é o reconhecimento emocional das próprias crianças e aprender a administrar seus próprios sentimentos para regulá-las.

Nesse sentido, o educação emocional visa desenvolver competências emocionais e contribuir para melhor enfrentar os desafios da vida e proporcionar maior bem-estar pessoal e social, tanto em idades mais jovens como em estágios mais difíceis, como a passagem da infância para a adolescência e o fim na vida adulta conflitos trabalhistas e sentimentais, depressão, situações de violência, evitar comportamentos de risco, etc.


Trabalhar na educação emocional

Desde a Universidade Internacional de Valência Faz parte do conceito de Goleman falar sobre inteligência emocional. Este autor explica em seu livro Inteligência Emocional os princípios desses ensinamentos:

- Conheça suas próprias emoções. O primeiro e mais importante passo da inteligência emocional é ser capaz de identificar ou estar ciente das emoções de alguém. A pessoa que falha neste aspecto está à mercê de emoções descontroladas, o que provavelmente causa muitos conflitos e situações negativas. 2.-Gerenciar emoções. Uma vez que as emoções são identificadas, as pessoas devem tomar consciência delas, a fim de gerenciar habilmente esses sentimentos, filtrando-os, aliviando-os, se necessário, e redirecionando-os ao longo do caminho certo.


- Motive-se. A orientação das emoções para o alcance dos objetivos contribui para aumentar a eficácia das motivações. Por essa razão, emoção e motivação são dois sentimentos que estão intimamente relacionados e podem realimentar-se.

- Reconheça as emoções dos outros. A empatia deve centralizar as relações com os outros. Pessoas empáticas têm grande capacidade de se sintonizar com outras pessoas, captando seus sinais, ainda que sutis, para descobrir e até antecipar suas necessidades e desejos.

- Estabelecer relações. Competência e habilidades sociais são a base para interagir assertivamente com os outros, expressando nossas idéias e pontos de vista sem perturbar os outros.

Ensine a reconhecer emoções

Como é emocionalmente educado? A resposta é simples, aproveitando quando você está aparecer. Por exemplo, se alguma atividade não for bem, é um bom momento para explicar à criança que o que está acontecendo é chamado de raiva e como canalizar esse sentimento. Deve ser explicado que, embora esse sentimento seja natural, porque tudo nunca acontece como esperado, devemos insistir de novo em sentir alegria em alcançar o objetivo.


Você também tem que mostrar o que cada um significa emoção e incentive seu discurso a incluir essas palavras para definir como você se sente. Por exemplo, no final do dia, durante o jantar, quando você está comentando como o dia foi, você tem que tentar fazer com que a criança seja capaz de definir tudo o que ele viveu através de suas emoções.

Por outro lado, os pais devem ensinar que emoções eles não devem ser algo para reprimir, em qualquer caso, para controlar. Por exemplo, no caso das crianças, elas aprendem que o choro é fraco, algo que supõe não demonstrar um sentimento como a tristeza e que através das lágrimas é uma boa válvula de escape. No caso da raiva, devemos mostrar à criança que, diante da frustração, ela não pode fazer nada e que precisa se acalmar nesses casos.

Damián Montero

Vídeo: COMO ENSINAR AS CRIANÇAS A LIDAREM COM AS EMOÇÕES | Criando com Empatia


Artigos Interessantes

Pare de cyberbullying: 63% aconselham contar

Pare de cyberbullying: 63% aconselham contar

Coloque um freio cyberbullying É o objetivo no presente. Para enfrentar este grave problema social entre adolescentes e jovens, é necessário conscientizar sobre o problema e buscar soluções de baixo...

Como fascinar adolescentes lendo

Como fascinar adolescentes lendo

O lendo mobiliza e treina as qualidades de inteligência e sensibilidade. Despertar o interesse dos adolescentes lendo isso os ajudará a discernir valores morais e estéticos, desde que os coloquemos...

Este Natal, vamos ao cinema!

Este Natal, vamos ao cinema!

Neste Natal você pode tentar escolher um bom filme para ir ao cinema com toda a família. Depois, você pode ir ter um hambúrguer todos juntos, ou um sanduíche, sanduíche, etc, logo após a sessão. Ou...