Irmão mais velho, quando seu comportamento é uma má influência para os mais jovens

A família é um foco de aprendizado, tanto para o bem quanto para o mal. Dentro do lar, os membros do mesmo, especialmente os mais jovens, aprendem diferentes valores e maneiras de se comportar que podem sustentar o futuro de suas vidas. No caso de irmãos, especialmente em idades próximas, seu relacionamento é geralmente muito próximo, de modo que seus comportamentos acabam sendo muito semelhantes.

A figura do irmão mais velho sempre tende a ser um foco muito grande de influência para os pequenos. De fato, como o estudo publicado mostra Psicologia do Desenvolvimento, é muito possível que alguns maus comportamentos são transferidos como conseqüência do relacionamento fraterno entre as crianças.


Influência decisiva

Este estudo levou em conta a relação entre diferentes irmãos nascidos entre 1995 e 1998. Essas crianças foram analisadas durante uma investigação de longo prazo para ver como as crianças mais novas se comportavam em relação à influência que recebiam de seus irmãos mais velhos. Segundo os responsáveis ​​por este trabalho, a relação fraterna é uma das causas mais comuns no surgimento de comportamentos perigosos em crianças.

Se um irmão mais novo vê como o idoso consome álcool assiduamente, ele entenderá que essa é uma prática que ele deve realizar para se sentir no nível desse parente que ele geralmente tem em um pedestal. A figura deste membro do lar É muito importante que as crianças que vêem neste parente imitarem ser pessoalmente.


Não só o consumo de álcool é algo que é transferido de irmãos mais velhos para menores. Os pesquisadores também descobriram que, se o mais velho realiza alguma atividade criminosa, como pequenos furtos ou brigas habituais com os pais, os mais jovens verão nele um comportamento que devem seguir para ser o mesmo que seus heróis dentro de casa.

Importância da educação

Neste ponto, os especialistas recomendam que os pais aproveitem as grandes influenciar que os irmãos mais velhos joguem para sempre. Ou seja, transmitir aos primeiros filhos bons valores e educá-los de maneira adequada para que estes cheguem aos pequeninos todos esses ensinamentos e garantam um bom aliado no lar para criar um bom ambiente em casa

Estes são alguns dos valores que valem a pena transmitir dentro de casa:

1. Empatia A criança tem que aprender a se colocar no lugar do outro, entender como eles pensam e as emoções que eles sentem. É um valor necessário para a coexistência.


Humildade A criança deve saber que é o mesmo que o resto das crianças, não é nem melhor nem pior em qualquer sentido. Viver com uma atitude humilde permitirá que você se conheça melhor, avalie seus pontos fortes e tente aliviar suas fraquezas.

3. Auto-estima Ele deve saber como se valorizar. Para melhorar sua auto-estima, sem passar, podemos usar o elogio toda vez que você realizar uma boa ação ou tarefa.

4. O compromisso. É um valor que é adquirido ao longo dos anos. Os nuños demonstrarão maturidade e responsabilidade. Você deve saber a importância do valor de prometer algo ou dar sua palavra.

5. Gratidão É importante e valioso que reconheçamos aos nossos filhos as coisas que eles fazem bem por nós.

6. Otimismo. É importante que eles saibam viver dia a dia com entusiasmo e otimismo, sempre procurando o lado bom das coisas, apesar dos golpes que a vida lhes dá. Eles devem fugir de todo pensamento negativo.

7. Amizade As crianças devem aprender o valor da amizade e do afeto mútuo que nasce com o contato de outras pessoas.

8. A vontade. Todas as coisas importantes que você quer alcançar devem ser através da vontade. Precisamos remover a mania de tentar alcançar as metas ao mínimo esforço.

9. Felicidade Devemos contagiar nossa felicidade para transmiti-la a eles, pois é importante viver o dia com alegria, otimismo, senso de humor, só quem é feliz pode transmitir felicidade.

10. Paciência. Ajudará a controlar e canalizar sua impulsividade, mostrando uma atividade paciente e serena.

Damián Montero

Vídeo: Psicólogos alertam! Este desenho infantil pode causar transtorno de personalidade em criancas


Artigos Interessantes

Dicas para escolher o nome do bebê

Dicas para escolher o nome do bebê

Você está esperando por um bebê e ainda não sabe qual nome colocar? Escolher o nome de nossos filhos nem sempre é uma tarefa simples. Existem inúmeros guias na Internet que podem nos inspirar, mas o...

Trauma: o que pode causar um trauma e por quê?

Trauma: o que pode causar um trauma e por quê?

Todos, em maior ou menor medida, mais ou menos conscientemente, vivemos situações que deixaram sua marca em nós. O problema aparece quando esse traço nos impede de levar uma vida normal, nos causa...

A venda de livros infantis ressurge

A venda de livros infantis ressurge

O que você dá a ele? Entre as propostas de presentes para nossos filhos, os melhores são sempre educativos e, dentro deles, os livros. Um pensamento que cada vez mais se estende entre os pais, pelo...