4 dicas para ajudar na educação de netos

Se prestarmos atenção a uma pesquisa recente do Instituto Nacional de Estatística, quase 50% do avós ele assiste diariamente aos seus pequenos netos, que estão principalmente na escola. Eles não apenas os pegam e os buscam na escola, mas também os ajudam no trabalho escolar. Para os avós, isso significa esquecer a abordagem de uma vida pacífica e ter que desoxidar e polir os já ansiosos para educar as crianças.

Os avós devem saber que a primeira responsabilidade educacional pertence a seus pais e que suas ações com os netos devem estar de acordo com os dos pais, isto é, devem encorajar na educação dos netos Obediência aos pais.


Se, em qualquer caso, há uma discrepância educacional, nunca pode ser uma crítica aos pais na presença de seus filhos, embora seja necessário e conveniente discutir essas diferenças de opinião com os pais. Eles também devem informar os pais sobre o que eles observam na convivência com os netos. Seria uma ternura incompreendida ocultar as ações inapropriadas dos netos.

Hábitos básicos para a educação dos netos

Estes são alguns dicas para os avós Eles cuidam de seus netos menores, de alguns meses a seis anos.

Desde o nascimento de uma criança, existem quatro hábitos básicos que devem ser alcançados com perseverança.


1. A criança deve comer bem, de tudo apropriado para sua idade, em seu tempo e em um certo tempo.

2. Você deve ter suas horas de sono, como uma rotina diária fixa e na sua própria cama.

3. Manter um pedido nos horários para que a criança saiba o que tem que fazer em cada momento, porque não pode depender do nosso capricho.

4. Você deve aprender a se limpar como norma higiênica e ser grato pela limpeza. É necessário evitar deixar-se levar pelos sentimentos e atrapalhar a vida nos aspectos mencionados, concedendo à criança seus caprichos.

Diretrizes educacionais para a educação de netos

1. Aprenda
"O cérebro não é um copo a ser preenchido, mas uma lâmpada a ser acesa"(Plutarco)

A pesquisa neurológica nos diz que o desenvolvimento do cérebro pode ser intensificado se uma aprendizagem precoce for realizada, fornecendo à criança estímulos adequados no momento oportuno de seu desenvolvimento, não em um estágio inicial; mas sem deixar de aproveitar o tempo em que o desenvolvimento evolutivo de suas habilidades facilita e aprimora certo aprendizado, para o qual biologicamente e psicologicamente está nas melhores condições. Na literatura educacional, esses momentos são chamados períodos sensíveis. É sobre permitir que as habilidades naturais que podem se desenvolver nessas idades tenham a oportunidade de fazê-lo através da educação. Nas páginas dedicadas à aprendizagem precoce, os avós podem encontrar várias possibilidades para colaborar neste desenvolvimento do cérebro. No entanto, vou agora propor alguns estímulos sensoriais que estão ao seu alcance.


2. Jogar
A criança tem uma enorme capacidade de aprender muitas coisas enquanto joga e fica feliz quando lhe damos a possibilidade de aprendê-las, curtir e colaborar com entusiasmo. Para aprender, além de ver você tem que fazer.

3. Enriqueça seu idioma
Para enriquecer a sua língua, é conveniente mostrar-lhe histórias com imagens de animais ou objetos da vida cotidiana, dizendo-lhes seus nomes e vendo como eles são escritos. Fale com serenidade e com uma linguagem simples, evitando os diminutivos. Lendo-lhe histórias infantis e explicando o que ele não entende, desenvolvemos sua linguagem. Há estudos que mostram que as crianças cuidadas pelos avós têm uma melhor expressão verbal. Os avós precisam de paciência para responder à sua avalanche de perguntas que devem ser respondidas com sinceridade.

4. Desenvolva suas habilidades psicomotoras
O fino psicomotor desenvolve-se quando a criança trabalha com plasticina, modelando figuras simples. Também os exercícios de coloração ajudam a controlar suas mãos. Um bom aprendizado é um passeio por um parque, fazendo com que você observe as diferenças entre as diferentes árvores, a forma de suas folhas, a textura de suas cascas, etc. Ouça alguns minutos que uma passagem de música clássica irá desenvolver sua audição. E assim, muitas outras atividades que aparecem mensalmente nesta revista. Os avós podem ser uma importante fonte de estímulo e informação.

5. Fortalecer suas forças
Você ganha muito mais com uma gota de mel do que com um barril de fel (Ditado popular)
Educar é confiar nos pontos fortes de uma criança para neutralizar os fracos. É necessário educar de forma positiva, encorajadora, encorajadora, facilitando os meios certos no momento certo, com paciência e perseverança, sem ser demasiado exigente ou negativo, o que dará confiança às crianças e as incentivará a sobressair. Dois objetivos a alcançar serão sinceridade e obediência. E acima de tudo, incentive sua generosidade, com exemplo e carinho. A criança precisa de sucesso para desenvolver sua auto-estima, o que é conseguido incentivando muito mais do que a censura.Devemos participar de seus pequenos e grandes sucessos nas atividades que mencionamos anteriormente. Vamos estar atentos para cortar a raiva e o ciúme entre os irmãos e primos.

O relacionamento com os netos é mais relaxado com maior ternura. Devemos sempre levá-los a sério e evitar zombar de suas fraquezas. Como seus pais, os avós são um modelo para os netos. Até aos 3 anos, as crianças tendem a imitar os seus modelos, com vontade de repetir e o gosto de aprender com elas. Teremos sucesso se forem tratados com naturalidade e alegria, se pedirmos perdão quando necessário, agradecemos quando eles nos ajudam e os ensinamos a fazer isso com os outros. Sabemos que às vezes as limitações físicas da idade tornam difícil sorrir, mas você tem que lutar para se esforçar quando elas estão, porque um triste avô seria um triste avô.

Marina Berrio

Vídeo: 5 Dicas para Pais com Filhos Desobedientes


Artigos Interessantes

10 chaves para incentivar a leitura em seus filhos

10 chaves para incentivar a leitura em seus filhos

O lendo Tem benefícios infinitos, especialmente se for um hábito que é cultivado desde cedo. A leitura fortalece a imaginação, ajuda a criança a aprender, a se divertir sozinha e favorece nossa...

O desafio de aprender a estar no berço

O desafio de aprender a estar no berço

A educação das crianças pode começar desde o primeiro dia da vida do bebê. O berço É um ambiente perfeito para incentivar alguns hábitos educacionais, embora às vezes os pais acreditem erroneamente...